terça-feira, 12 de janeiro de 2010

PMERJ - Operação em favela de Niterói tem cinco mortos, diz polícia

Traficantes de três favelas do Rio tentaram invadir Buraco do Boi, diz PM. Quatro policiais foram baleados durante a operação nesta terça-feira (12).


A Polícia informou que chegou a cinco o número de suspeitos mortos durante a operação do Batalhão de Operações Especiais (Bope) na favela Buraco do Boi, no Barreto, em Niterói, na Região Metropolitana do Rio, nesta terça-feira (12).

Ainda de acordo com a PM, durante a operação cinco policiais militares foram baleados e três suspeitos foram presos.

Um policial do Bope, identificado como Marcelo Costa Lima, foi atingido na tarde desta terça e encaminhado para Hospital Central da Polícia Militar (HCPM), no Estácio, no Centro. Ainda não há informações sobre o estado de saúde do policial.

O PM baleado nesta manhã foi identificado apenas como Maxwell. Ele foi baleado no pulso direito e sofreu fratura exposta. Após uma cirurgia, seu quadro de saúde é estável.

A Secretaria informou ainda que, dos três policiais feridos na favela na noite de segunda-feira (11), dois deles - Alexandre Pinto de Araújo e Márcio Luiz Vidal - foram medicados no Hospital Central da Polícia Militar (HCPM), no Estácio, no Centro, e já tiveram alta.

O PM Fábio Cunha Azevedo levou um tiro no rosto, foi operado e está em recuperação no pós-operatório. Seu quadro de saúde é estável.

De acordo com o comandante do 12º BPM (Niterói), traficantes das favelas da Coreia, em Senador Camará, da Vila Aliança, em Bangu, e de Acari, em Acari, no subúrbio e Zona Oeste do Rio, tentaram tomar os pontos de vendas de drogas no Buraco do Boi.

Durante a operação, a polícia apreendeu quatro pistolas e dez carregadores de fuzil.

Avenida foi fechada duas vezes

Pela manhã, um intenso tiroteio na região fechou o tráfego na Avenida do Contorno, em Niterói, duas vezes. Na primeira vez, por volta das 7h, o acesso ficou fechado por aproximadamente uma hora e vinte minutos.

Na segunda vez, a interdição durou cerca de 15 minutos.

A recomendação é que motoristas evitem passar pela região. A opção é seguir pela Avenida Benjamin Constant.

Operação no Buraco do Boi

Policiais do Bope chegaram cedo à favela Buraco do Boi nesta terça (11). A operação foi desencadeada depois que três policiais do 12º BPM (Niterói) foram baleados na noite de segunda-feira (11) ao tentar checar denúncias de uma invasão.
Fonte: G1


2 comentários:

Anônimo disse...

Quero dizer ao Marcelo Costa (BOPE)Não tenho palavras para explicar o que eu senti assim que eu soube por um amigo...

Loja disse...

Olá, Sou amigo do cabo Cunha, atingido no rosto, estou aqui abalado com a violencia, Fábio um homem bom chefe de família sai para trabalhar e é isso que ganha desses marginais, lamento muito pelo ocorrido, que meu amigo apenas agora faz parte das nossas estatisticas da violência do Rio de Janeiro. vou aguardar justiça,,, agora me responda... O que nosso Estado tem a oferecer a esse homem ???